Algarve

Algarve

O Algarve é conhecido internacionalmente pela beleza incrível da sua costa e pelo seu clima de sonho, o que leva a um grande fluxo de turistas, especialmente nos meses de verão. 

No entanto, aquele Algarve carregado de gente, de turistas e de movimento noturno, já não nos diz muito. Tendo em conta a época de pandemia em que estamos, decidimos aproveitar este ano para ir até ao Algarve, à zona do Carvoeiro.

Fomos na esperança de encontrar um Algarve um bocadinho menos lotado do que o habitual.  Ao invés do esperado, encontrámos muita gente, mas conseguimos aproveitar as férias na mesma.

Continuem a ler para ficarem a conhecer os sítios fantásticos e sem enchentes por onde andámos.

Onde fazer praia na zona do Carvoeiro?

Aqui ficam as nossas sugestões de praias a visitar na zona do Carvoeiro e arredores.

Praia do Carvoeiro

A Praia do Carvoeiro foi considerada em 2018 a melhor praia da Europa, pela European Best Destinations. 

Se repararmos nas infra-estruturas que possui, nos chuveiros e wc públicos bastante limpos, no vasto leque de restaurantes disponíveis no largo da praia, nas arribas e no casario branco que a envolve, percebemos que facilmente agradará a muitos.

Ainda assim, não foi das nossas preferidas. Gostamos mais de praias um pouco menos “urbanas”, mas isso é uma questão de gosto pessoal.

Tem um areal pequeno de onde partem também alguns passeios de barco pelas grutas desta zona.

Praia do Barranco

Pequena, pouco conhecida e pouco movimentada, espetacular para quem gosta de espaço e sossego. Não tem qualquer infra-estrutura de apoio e o acesso faz-se por uma estrada de terra batida um pouco em mau estado, mas depois de estacionar o carro o acesso até ao areal faz-se bem.

A única desvantagem desta praia será apenas o facto de ficar entre arribas. Como é estreita as arribas acabam por fazer bastante sombra na areia mais para o fim da tarde.

Podem encontrar por lá muitas conchas e caranguejos a espreitar nas rochas, o que agrada sempre aos miúdos. 

Praia do Carvalho

Quem não acha piada a uma praia acessível por um túnel escavado numa falésia? É assim o acesso à praia do Carvalho, o que lhe dá direito a entrada direta no top das praias preferidas dos miúdos. 

O areal não é dos mais extensos, mas talvez por não ter qualquer estrutura na praia não estava completamente cheia. 

Praia do Vale de Centeanes

Praia com bons acessos (estacionamento alcatroado). Areal mais extenso e bar de apoio. Façam uma caminhada pela areia e espreitem a gruta que fica do lado direito.


Praia de Benagil

Algar de Benagil é contíguo a esta pequena praia, o que a torna muito movimentada devido ao aluguer constante de Kaiaks e pranchas de SUP para o visitar . Praia pouco recomendável para quem quer estar estendido na toalha.

Praia da Rocha

Penso que esta praia não precisa de apresentações. É provavelmente a praia mais conhecida de Portimão, a 15km do Carvoeiro, com um areal enorme e todas as comodidades.

Se gostam de alugar casa/hotel e de ir a pé para a praia sem ter de pegar mais no carro durante as férias, então vão gostar desta zona. Há muita oferta de apartamentos para alugar junto à praia, o que permite esse tipo de descanso. 

Praia dos 3 castelos

Vão até ao Miradouro da Praia da Rocha, apreciem a vista, e de seguida desçam pelas escadas que aí se encontram à direita,  até à Praia dos 3 Castelos.

Esta praia, que é vizinha da Praia da Rocha, é mais uma das muitas praias bonitas desta zona, com areal comprido, bar/restaurante e  bandeira azul.

Praia da Bordeira

A cerca de 60km do Carvoeiro, a Praia da Bordeira pertence ao concelho de Aljezur e está inserida na Costa Vicentina, a nossa costa de eleição em Portugal.

O acesso mais prático à praia faz-se através dos passadiços. Estes passadiços terminam na Ribeira da Bordeira, que desagua no mar da Praia da Bordeira. Facilmente atravessam a ribeira a pé, rumo aos 3km de areal. Isso mesmo, 3km incrivelmente espaçosos!

Se não quiserem passar pela ribeira, estacionem num parque que há próximo do Restaurante O sítio do Rio, na berma da estrada, a caminho da Praia da Bordeira. Metam-se pelo passadiço exatamente do lado esquerdo do restaurante e atravessem pelas dunas até à praia (o passadiço vai apenas até ao início das dunas). Fomos por aqui e posso dizer que os miúdos adoraram tanto a praia como as dunas. Foram felizes a escorregar e a dar cambalhotas na areia. 

Vigiada durante a época balnear é excelente, principalmente na maré baixa, para os miúdos que gostam de andar nas ondas pequenas. 

É também um bom spot para os amantes de surf.

Praia da Arrifana

Se pratica surf, esta praia do concelho de Aljezur é-lhe provavelmente bastante familiar.

Amantes de surf ou não, não deixem de a visitar, garanto que não vão ficar indiferentes à beleza das suas arribas escuras e à forma de baía que o mar apresenta.


Praia da Amoreira

É sem dúvida uma das melhores praias que conhecemos para miúdos, também ela na Costa Vicentina (Aljezur).

Tem um vasto areal, mas o que lhe dá destaque é o facto de permitir combinar rio e mar num só local, à semelhança de outras praias desta zona. Podem optar por tomar banho no mar, com uma zona com ondas para todos, inclusive para surfistas, ou ao longo da Ribeira de Aljezur que ali desagua.

Na maré baixa ganha ainda um outro encanto para os miúdos. Formam-se piscinas não só na areia, mas também numa zona rochosa com vida marinha que eles adoram explorar.

Como chegar à praia? Pesquisar no GPS pelo Restaurante O Paraíso do Mar e estão lá. 

Se quiserem apenas apreciar a vista de um miradouro/passadiço, mas sem acesso fácil ao mar (há quem desça por aí, contudo não aconselho para quem vá com crianças), é ir em direção ao Restaurante Taberna do Gabriel II.

Estas são apenas algumas das praias que podem visitar, mas há muitas mais que conseguem alcançar facilmente de carro a partir do Carvoeiro. 

Praia do Paraíso, Praia de Vale Covo, Praia da Marinha, Praia da Albandeira, Praia Nova, Praia da Cova Redonda, Praia do Pintadinho e Praia Grande, estas últimas em Ferragudo, e tantas outras!

O que fazer no Carvoeiro para além da praia?

O Carvoeiro não tem apenas praias para visitar, vejam aqui outros locais e atividades interessantes nesta zona.

Grutas do Carvoeiro/Gruta de Benagil - Passeio de barco

A zona do Carvoeiro é rica em grutas, sendo várias as agências que fazem um circuito de barco pelas mesmas. 

Partem de diferentes pontos como a Praia de Benagil, Praia do Carvoeiro, Portimão, Albufeira, etc.

A Gruta de Benagil é a mais conhecida desta zona, tendo sido considerada uma das grutas mais bonitas do mundo. Para a visitar podem por exemplo alugar um caiaque ou uma prancha de SUP na Praia de Benagil, ou através do referido tour de barco.

Fizemos o nosso passeio de barco a partir da Praia do Carvoeiro, com a Carvoeirotours, que recomendamos. Os barcos desta agência são pequenos (aquele em que fomos tinha capacidade para 10 pessoas) e são desinfetados entre cada passeio. O guia foi bastante simpático e foi dando uma breve explicação em cada gruta onde parámos.

Fizemos o circuito mais curto, cerca de 1h, e achámos o tempo ideal para um passeio destes com crianças. 

É sempre uma atividade diferente e possível de fazer com miúdos mais pequenos. O nosso mais novo, de 2 anos, também foi e gostou, experimentem!


Castelo de Silves

Visitar um castelo é sempre uma boa ideia, principalmente com crianças. O de Silves fica a uns 20 minutos do Carvoeiro e proporciona umas vistas bonitas sobre a cidade.

Gratuito até aos 10 anos, adultos pagam 2,8€, estudantes e seniores 1,4€ .


Passadiços do Carvoeiro

Chamamos-lhes varanda para o mar, porque é isso mesmo que estes passadiços são. Acompanham a costa ao longo de quase 600 metros, desde a Ermida da Nossa Senhora da Rocha até ao Algar Seco.

O percurso é plano, podem fazê-lo com carrinho de bebé ou cadeira de rodas. Tem alguns pontos onde se podem sentar e admirar a paisagem incrível.


Algar Seco - Gruta da boneca

O Algar Seco fica no Carvoeiro, mesmo numa das pontas dos Passadiços do Carvoeiro, e é constituído por um conjunto de rochas, grutas e piscinas naturais.

A gruta mais conhecida do Algar Seco é a Boneca, que não é mais do que uma gruta acessível por um pequeno túnel bem identificado, com dois buracos que possibilitam uma boa vista para o mar. Esses buracos surgiram naturalmente com a erosão do vento e do mar. Chamam-lhe boneca porque supostamente esses buracos vistos do mar parecem os olhos de uma boneca.

Há um restaurante ao ar livre entre as rochas desta zona, o Boneca Bar, que parece bastante agradável.

O nosso destaque nesta zona vai para as vistas do cimo das arribas e para as piscinas naturais que podem aceder descendo uma pequena escadaria. 

É possível dar um ou outro mergulho na maré baixa, mas se conseguirem programar a ida para quando estiver maré alta, é o ideal. Tomar ali banho nas mudanças de maré é de evitar, já que a forte corrente que se forma vos pode empurrar contra as rochas.


Percurso dos 7 Vales Suspensos

Trata-se de um percurso linear de 6km pelo cimo das arribas, não recomendável debaixo de sol forte.

Vai desde a Praia da Marinha até à Praia do Vale de Centeanes, passando pelo topo da famosa Gruta de Benagil, por vários algares e vales suspensos, e pelo Farol de Alfanzina.

Está sinalizado e limitado por vedações de madeira, mas claro que exige prudência e bastante vigilância se estão com crianças.

Levem água e calçado adequado para caminhada em piso irregular. Pelo caminho passam por mesas de picnic, se quiserem parar para repôr energia. 

As vistas e todo o percurso, entre as rochas e a vegetação, fazem deste trilho um “must-do” para quem gosta de caminhadas na natureza.

Há mais trilhos na zona, mais pequenos, este é apenas um exemplo.

Já se sabe que o Algarve é famoso sobretudo pelas suas praiasRealmente estas são imensas e magníficas, desde o Sotavento ao Barlavento Algarvio, sem nunca esquecer a Costa Viventina

Contudo, o Algarve tem também uma grande oferta de outras atividades para além da praia, como os passeios de barco que já aqui referimos. Os inúmeros parques aquáticos/temáticos que há nesta região do sul de Portugal são também visita obrigatória com crianças. 

Destacamos o Zoo Marine, na Guia – a apresentação com os golfinhos deixa sempre os miúdos de boca aberta e a das aves também os cativa. O espetáculo com os piratas está muito engraçado e a piscina é sempre agradável.

Quanto aos parques aquáticos, recomendamos o Slide & Splash, em Lagoa. Tem uma variedade infinita de escorregas, onde já fomos algumas vezes (este ano não fomos). 

No Zoo de Lagos não encontram elefantes nem girafas, mas podem visitar uma quinta pedagógica, suricatas, cangurus, flamingos e macacos, entre outras espécies. No verão podem ainda usufruir da piscina. Fica em Lagos e está aberto todo o ano.

 

O Krazyworld, em Algoz (Silves), é um parque diferente. Combina animais, dinossauros e uma quinta pedagógica com piscina e outras atividades como Kart a pedais, mini-golf e arborismo. É um dos parques mais económicos.

Qualquer um destes parques costuma ter promoções exclusivas online. Compensa espreitar sempre o site antes de ir para a bilheteira.

Por último, deixamos uma sugestão não para miúdos, mas para gulosos: provar os Bolos de amêndoa e os D. Rodrigo, doces típicos algarvios.